Condé Nast vira-se para o Snapchat

Condé Nast aposta nas redes sociais

A Condé Nast alcançou um acordo para publicar vídeos de eventos na rede social Snapchat, como os que publicou na passada sexta feira, 2 de outubro, durante a festa Teen Vogue Young Hollywood e na Vanity Fair Oscar Party.

Qualquer utilizador que esteja ligado com a app Snapchat na altura em que estão a decorrer estes eventos Condé Nast poderá assistir a vídeos dos eventos através da plataforma Live Stories, que não é mais do que uma plataforma de curadoria de conteúdos de utilizadores que estão em determinado local. Os números avançados pela Snapchat apontam para 100 milhões de utilizadores diarios ativos e que 20 milhões de pessoas veem uma história ao vivo todos os dias. Estas Live Stories da Conde Nast estarão disponíveis por 24 horas.

“Andamos todos atrás das audiências dos millennial”, afirmou Fred Santarpia, responsável digital da Condé Nast, cujo portfólio inclui, além de Teen Vogue e Vanity Fair, Glamour, The New Yorker, Wired, GQ e Vogue. “A rede social Snapchat tem uma grande base millennials. A oportunidade de chegar à audiência de millennials a uma escala como esta é raro.”

Para alcançar este acordo com a Snapchat, a Condé Nast vai angariar patrocinadores para os “snaps” que serão transmitidos nas Live Stories, dividindo a receita com a Snapchat. As empresas recusaram-se a divulgar a divisão de receita, bem como avançar com o nome do primeiro patrocinador.

Já antes a Snapchat tinha feito negócios com as Live Stories com empresas de media, como a Viacom, que utilizou a plataforma para os Vídeo Music Awards neste verão, e ligas desportivas, como o NFL e MLB.

Entretanto, estão já planeados outros eventos da Condé Nast, como Glamour’s Women of the year e GQ’s Grammy Party.