Conferências DV: O papel das empresas na recuperação da economia

Conferências Dinheiro Vivo

O Dinheiro Vivo assinala o seu 4º aniversário com um ciclo de conferências sobre a “Recuperação da Economia Nacional”, que será realizado em parceria com a EDP e a PwC entre dezembro de 2015 e fevereiro de 2016. Ministros, autarcas, gestores e empresários serão ouvidos sobre temas estruturais, como exportações, investimento e consumo.

A primeira conferência com a chancela Dinheiro Vivo realizou-se na passada terça feira no Hotel Tivoli e foi subordinada ao tema: “O papel das empresas na recuperação da economia”.

Numa conferência que contou com a presença de diversas personalidades ligadas à Economia Nacional, a abertura ficou a cargo do atual ministro da Economia, recentemente empossado, Manuel Caldeira Cabral, que destacou que para a recuperação da economia o papel das empresas tem de ser o fator principal. Assumindo que “é urgente criar mais e melhor emprego”, bem como “acelerar o crescimento económico”, destacou que a “prioridade forte” do novo Ministério da Economia será o investimento.

Após a intervenção do ministro seguiu-se o debate do primeiro painel subordinado ano tema que deu o mote a este ciclo de conferências do 4º Aniversário, contou com a participação de oradores bem conhecidos do panorama económico português, que num debate moderado pela diretora do Dinheiro Vivo, Sílvia Oliveira, deram as suas opiniões e relatos de experiência inerentes ao tema, nomeadamente: Sérgio Monteiro (Gestor e Coordenador global da venda do Novo Banco); António Ramalho (Presidente da Infraestruturas de Portugal); José Manuel Bernardo (CEO da PWC) e Ricardo Paes Mamede (Economista).

Após uma pequena pausa, foi altura de dar lugar aos Fazedores, um target muito próprio e acompanhado sempre de perto pelo Dinheiro Vivo, ao longo dos seus 4 anos de existência. Neste painel, as principais ideias debatidas, foram alicerçadas na questão base, introdutória ao debate: “Os Empreendedores podem fazer a diferença no futuro da economia nacional?”. Este debate contou com a moderação de Mariana Barbosa, Jornalista do Dinheiro Vivo e nele participaram: Miguel Santo Amaro (Fundador da Uniplaces); Domingos Guimarães (Fundador da Live Content) e Filipa Neto (Fundadora da Chic by Choice)

O encerramento da conferência ficou a cargo de João Vasconcelos, Secretário de Estado da Indústria, numa clara perceção da importância desta temática para o país.