Pequenos-Almoços no Diário de Notícias – Havas Media e Arena Media

Os “Pequenos-Almoços no Diário de Notícias”, uma iniciativa inovadora levada a cabo pela Global Media Group, tinham como objetivo estreitar os laços entre os profissionais das mais notórias agências de meios e aquela que é a marca de comunicação em maior ascensão no mercado nacional.
Entre cumplicidades cimentadas por várias décadas de trabalho em conjunto, e várias relações profissionais que nasceram neste ambiente informal, os convidados do Diário de Notícias foram presenteados com uma visita à redação do título noticioso de referência em Portugal, com mais de 150 anos de história e consistência como credenciais de peso para suportar esse destaque.

Mais do que um encontro de negócios, estes pequenos-almoços foram uma oportunidade preciosa para criar sinergias entre o Diário de Notícias e estes importantes intervenientes do universo dos media e da comunicação.

Paulo Baldaia recebeu os convidados na redação do jornal, recentemente instalada na nova sede da Global Media Group, nas Torres de Lisboa.

Os convidados partilharam a sua perspectiva profissional e pessoal sobre o Diário de Notícias, e a sua evolução no campo digital. Conheça os testemunhos dos responsáveis pela Havas Media e pela Arena Media. 

 

27404051_binary_gi13032017saramatos00052  havas_media

Rita Amzalak

Executive Director

O que representa para si a marca Diário de Notícias?
A marca DN representa muito para nós e basta-nos dar como exemplo esta sessão, para que se perceba isso. Nós não temos a fórmula da reencarnação da empresa, mas vocês têm-na e estão muito bem posicionados nesse sentido. Basta ver a dinâmica e a força com que o grupo se reestruturou e se reconfigurou neste novo paradigma, e isso é muito visível para nós, Havas Media. Ainda bem que somos parceiros, que temos explorado esta vossa dinâmica e potencial.

Considera que o site do Diário de Notícias é um bom meio para se manter informada?
Naturalmente. Como profissional e também apenas como mera utilizadora, se bem que estas coisas depois não se distinguem. A consulta deve-se ao facto desta ser uma marca de referência, pela credibilidade e pelo valor que têm no nosso universo. É claramente uma escolha deliberada e inconsciente.

O Diário de Notícias atingiu a liderança no ranking dos sites de referência. Na sua opinião a que se deve este destaque?
Esta distinção é precisamente fruto do trabalho que desenvolveram nestes últimos anos. Da vossa capacidade de inovação e de reconhecer a forma como o mercado está hoje organizado. Tudo isto se reflete nos resultados obtidos. Sentimos que fazemos parte destes resultados, e que esta vossa conquista é precisamente o espelho do vosso trabalho, tanto editorial como comercial. O sucesso de todo este universo, que vai além da marca DN, está em toda a energia
e filosofia de um grupo que se estruturou de uma forma forte. Foi isto que nos foi mostrado aqui hoje.

 

27145470_binary_4f4a0094 arenamedia

 

Rodrigo Albuquerque

Executive Director

O que representa para si a marca Diário de Notícias?
Para mim a marca DN representa aproximadamente 150 anos da história de Portugal. Representa o rigor e a seriedade na informação. É um meio de comunicação muito credível.
No fundo, é aquilo que todo o consumidor quer: muita credibilidade na notícia.

Considera que o site do Diário de Notícias é um bom meio para se manter informado?
Sem dúvida. A marca DN é muito forte e quando o consumidor se senta à frente do seu computador, tablet ou smartphone, para uma procura rápida de informação, procura também uma marca credível. Por isso é que a informação deve estar o mais acessível possível. Nesse sentido, o DN conseguiu transportar para o digital aquilo que tem sido a sua história: a credibilidade da marca que tem vindo a crescer, cada vez mais, durante estes anos.
O Diário de Notícias atingiu a liderança no ranking dos sites de referência. Na sua opinião a que se deve este destaque?
Estamos a falar de marcas, mas por detrás das marcas estão sempre as pessoas. Eu acho que a chave do sucesso do DN é com certeza a sua equipa. Aqui tenho de falar da equipa comercial, que é com quem tenho contacto no dia a dia. Esta equipa tem sabido adaptar-se ao contexto e panorama atual dos meios publicitários. Tem sabido dar estes passos de forma consolidada. Soube reagir à moda inicial, às tendências que surgiram e que não se vieram a confirmar. Soube esperar pela hora certa, evoluindo de uma forma muito consolidada e sólida para aquilo que é hoje em dia. Esta liderança não aparece por acaso.
É consequência de muito trabalho, de muitos anos, de muito research, de muita evolução e, portanto de muita preparação.