O problema da IoT ganhou uma imagem, e é impressionante

Quando no início deste ano foram divulgados por hackers os nomes de utilizador e respetivas palavras chave de 8000 aparelhos de IoT, tornou-se claro que estávamos perante um problema. Num artigo da Fast Company, é feita a análise não só desse acontecimento mas também de uma imagem criada por Roland Schwab, um profissional de tecnologias de informação que investigou as razões pelas quais estes aparelhos estavam tão vulneráveis ao ataque de hacking.

Roland Schwab criou uma representação gráfica que demonstra que a grande fraqueza da segurança na Internet of Things reside na falta de empenho que os administradores das redes demonstram na hora de escolher os dados de acesso. Por falta de vontade ou por ingenuidade, mais de metade dos aparelhos que sofrerem este ataque de hacking partilhavam os mesmos dados, muito embora pertencessem a redes diferentes.

Tanto o username como a password eram frequentemente admin/admin, expondo os aparelhos e as redes à intrusão. Ou seja, há toda uma formação (ou reformatação, se assim o quisermos chamar) que deve ser feita à mentalidade do público, aumentando a consciência para as técnicas de fortalecimento de redes. Isto porque este ataque foi a lâmpadas inteligentes, mas o próximo pode muito bem ser a uma linha de robótica, e as consequências serão potencialmente dramáticas.