Um museu que envia SMS “picantes”?

«Se a montanha não vai a Maomé, vai Maomé à montanha». Foi certamente esta lógica que levou o Museu de Arte Moderna de São Francisco (SFMOMA) a promover uma campanha via SMS, em que incluía até, mensagens mais “picantes”.

A campanha “SEND ME”  nasceu devido ao facto de o SFMOMA só ter capacidade para exibir cerca de 5% das suas 35,000 obras, decidiram suscitar o interesse pelo seu acervo através de SMS. Como? Motivando as pessoas a enviar um SMS para um número específico, com as palavras “send me”, seguidas de uma cor, uma emoção, um emoji ou um pedido mais objetivo. O SFMOMA respondia então com uma peça de arte adequada ao pedido.

O SFMOMA foi capaz de surpreender o público pois nem as mensagens mais atrevidas, que pediam algo “picante”, ficavam sem resposta: há sempre uma peça de arte que corresponda facilmente ao desafio.